Voluntariado: ações que fazem a diferença na sociedade

07 Dezembro 2017 09:15:00

Instituído pelas nações unidas em 1985, o Dia Internacional do Voluntário é comemorado dia 05 de dezembro. O que seria de uma sociedade sem as ações do voluntariado? Em diversos seguimentos da sociedade percebemos ações de pessoas voluntárias fazendo a diferença na comunidade.

REDAÇÃO FOLHA REGIONAL
Foto: Jorge Pereira/ FR


O que seria de uma escola sem APP? O que seria de um padre ou pastor sem os voluntários em suas denominações religiosas? E na comunidade, o quanto faz a diferença uma associação de moradores? Quantos trabalhos testemunhamos de pessoas que, anonimamente, se doam por uma causa em amor ao próximo? São inumeráveis ações que fazem a diferença, aliviam sofrimentos e buscam melhores dias, sem olhar quem está ou estará sendo beneficiado.

Em Jaguaruna, entre muitas iniciativas, destacamos esta semana o engajamento de voluntários em prol das melhorias nas estruturas do Hospital de Caridade. Uma ação que está fazendo a diferença nas reformas da entidade. São pedreiros, pintores, eletricistas e serviços gerais, que doam algumas horas durante a semana. Voluntários como o construtor Felipe Dalago, que assumiu a mão de obra do centro cirúrgico. Em um vídeo lançado no Facebook, ele faz um convite para que as pessoas se engajem na causa. "Eu convido toda galera da bike, do motocross, do skate, a galera que anda a cavalo, queria convidar a todos para juntarmos nossas forças e fazer parte desses mutirões aqui no hospital", ressalta Felipe, que ainda convida as pessoas a ver o que está sendo feito na unidade hospitalar. "Venha ver o que realmente está sendo feito no hospital, você que já recebeu algum tipo de atendimento; você que nasceu aqui, agora é o momento que o hospital precisa da sua ajuda, se cada um doar um pouquinho do seu tempo, vamos colher bons resultados", ressalta.

No último fim de semana, integrantes do Grupo dos Desbravadores do Camacho passaram a tarde realizando serviços de limpeza no entorno do hospital, um mutirão que iniciou no dia anterior com a ajuda de outros voluntários. No sábado, colaboradores se revezaram na confecção de alguns quitutes para comercialização no evento onde foi realizado o sorteio da rifa de um cavalo doado à unidade hospitalar. A ganhadora foi Letícia Garcia, de Jaguaruna.

Zélia Colombo, presidente de Grupo de Voluntários Amigos do Hospital, destaca o empenho da comunidade em contribuir de alguma forma. "Estamos empolgados com a disponibilidade que estamos encontrando, duas ou três horas de trabalho já ajuda e as pessoas acabam se apegando com muito amor a esta causa, afinal todos nós precisamos do hospital", ressalta.



Imagens



reginaldo-site.png













toninho.jpg

marcelo-site-ok.png
14322344777940.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina